O mundo Invisível – O Ser Transparente (2011) – curta

Mulheres destacadas nesta obra

A cineasta Laís Bodanzky é uma das realizadoras do filme Mundo Invisível, feito por doze dos maiores cineastas do mundo, tais como: Win Wenders, Atom Egoyan e Manoel de Oliveira, a convite da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.
O segmento que ficou por conta de Laís ganhou o nome de O Ser Transparente, sobre o japonês Yoshi Oida, criador do conceito do “ator invisível”, segundo o qual um ator consegue uma grande interpretação quando o espectador não o enxerga em cena.
Misturando arte e documentário, o filme faz uma investigação sobre o trabalho do ator por meio de entrevistas como a de Monja Coen, Cássia Kis Magro e performances como a do ator Lee Thalor.

0 – 00:14:32- São Paulo, Brasil, 2013.00:14:32

Direção Laís Bodanzky
Roteiro
Direção de Produção
Direção de Som
Direção de Arte
Direção de Fotografia Carlos Baliú
Edição ou MontagemDaniel Rezende
Atriz Protagonista

Sinopse
A cineasta Laís Bodanzky é uma das realizadoras do filme Mundo Invisível, feito por doze dos maiores cineastas do mundo, tais como: Win Wenders, Atom Egoyan e Manoel de Oliveira, a convite da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.
O segmento que ficou por conta de Laís ganhou o nome de O Ser Transparente, sobre o japonês Yoshi Oida, criador do conceito do “ator invisível”, segundo o qual um ator consegue uma grande interpretação quando o espectador não o enxerga em cena.
Misturando arte e documentário, o filme faz uma investigação sobre o trabalho do ator por meio de entrevistas como a de Monja Coen, Cássia Kis Magro e performances como a do ator Lee Thalor..

(Visited 1 times, 1 visits today)

Isso deve te interessar

LEAVE YOUR COMMENT

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *